6 de outubro de 2009

T A X I T R A M A S


Quem melhor do que um taxista para observar o cotidiano? Assim é o livro TAXITRAMAS, do taxicronista Mauro Castro. Encontrei o seu blog (que leva o mesmo nome do livro) numa busca pela internet e fiquei impressionada com a grandiosidade das suas crônicas. Tive a maravilhosa oportunidade de adquirir um exemplar autografado e caricaturado - sim, ele também desenha!- fato esse que só veio comprovar o talento deste grande artista.A leitura do livro flui muito rápida e terminei de ler em poucos menos de uma hora.Além de circular entre bandeiras 1 e 2, ele tem um espaço merecido no jornal Diário Gaúcho, onde atua como colaborador.Para quem interessar, entre em contato com o Mauro via e-mail. Essa leitura é imperdível e muito saborosa!A seguir, uma entrevista dada por ele a um jornal local do RS:


2 comentários:

Mauro Castro disse...

Valeu, Debby! Obrigado pelas palavras amigas, guria.
Há braços!!

Nathi disse...

Porque toda profissão tem uma arte!Toda arte tem cotidiano!
E o cotidiano é uma arte!

:)

Good People (Spoiller Alert!), de David Foster Wallace

Leia o texto a seguir e somente após ter feito isso, volte e leia a análise: GOOD PEOPLE Two young Christians and an unwanted pregna...

•top sabores•