20 de setembro de 2010

E foram felizes para sempre (?)...



 



Namorados

O rapaz chegou-se para junto da moça e disse:
— Antônia, ainda não me acostumei com o seu corpo, com a sua cara.

A moça olhou de lado e esperou.

— Você não sabe quando a gente é criança e de repente vê uma lagarta
listada?

A moça se lembrava:
— A gente fica olhando...

A meninice brincou de novo nos olhos dela.

O rapaz prosseguiu com muita doçura:

— Antônia, você parece uma lagarta listada.

A moça arregalou os olhos, fez exclamações.

O rapaz concluiu:

— Antônia, você é engraçada! Você parece louca.

(Manuel Bandeira) 

***Sobre a imagem (feita por mim, num dia muito divertido passeando pela livraria do Praia Shopping com duas amigas queridas): poema do escritor Sérgio Roveri, que consta no livro Os Cem Menores Contos Brasileiros do Século

4 comentários:

João Gilberto disse...

Gostei muito do micro conto da imagem, e das palavras de Bandeira também.

Nathi disse...

Ai que nojo! [2]

Ah, o bandeira é demais, um dos meus preferidos, porque não conseguiria ter somente um preferido.

Sandro disse...

Graça e paz, sempre!

Passei por aqui para conhecer seu blog.
Estou seguindo.
Ficaria muito feliz em me visitar.
Se quiser me seguir também será um prazer.

Abraço em Cristo,

Sandro
http://oreinoemnos.blogspot.com/
Te espero lá.

Alexandre Silva disse...

Vc quer deixar os leitores cegos?
Não dá pra ler chongas aí, aumenta essa letra!

21 dias com Elizabeth Elliot: Nada é meu (19)

 "If we hold tightly to anything given to us unwilling to allow it to be used as the Giver means it to be used we stunt the growth of...

•top sabores•